Home » » Quem não gostaria de ter um orgasmo anal tão bom que poderia ser considerado perfeito?

Quem não gostaria de ter um orgasmo anal tão bom que poderia ser considerado perfeito?





Quem não gostaria de ter um orgasmo anal     tão bom que poderia    ser considerado perfeito?



É muito importante você sabre disso, antes de todas as orientações: A primeira penetração no ânus dói, a segunda dói também, mas já da para sentir mais gostoso, e a terceira vez pode ser só gostoso. 
Sexo anal, para quem já conhece tudo bem, mas para que tem aquela curiosidade e ainda não fez então este é um artigo bem interessante, pois vai tentar abordar numa linguagem bem fácil e acessível tudo, de forma bem detalhada tudo o que você, mulher precisa saber para viver um sexo anal, sem medo, sem receios, com todos os devido cuidados.
Um artigo bem informativo. 
Aproveite!
Em primeiríssimo, lugar, a mulher tem que querer, estar a fim de experimentar, estar curiosa, estar com tesão só de ouvir falar,porque isso tudo já ajuda até mesmo a relaxar mentalmente a idéia pavorosa que o sexo anal traz,em relação a dor, que é o que mais assusta as mulheres. Nada de fazer para agradar o parceiro, isso é prejudicial à saúde, pois no sexo, tudo é aprendizado, e respeito um para com o outro

Sexo anal, para quem já conhece tudo bem, mas para que tem aquela curiosidade e ainda não fez então este é um artigo bem interessante, pois vai tentar abordar numa linguagem bem fácil e acessível tudo, de forma bem detalhada tudo o que você, mulher precisa saber para viver um sexo anal, sem medo, sem receios, com todos os devido cuidados. Um artigo bem informativo

.A penetração anal mexe com a fantasia dos homens, mas ainda é tabu para muitas mulheres.

Em primeiríssimo, lugar, a mulher tem que querer, estar a fim de experimentar, estar curiosa, estar com tesão só de ouvir falar,porque isso tudo já ajuda até mesmo a relaxar mentalmente a idéia pavorosa que o sexo anal traz,em relação a dor, que é o que mais assusta as mulheres. Nada de fazer para agradar o parceiro, isso é prejudicial à saúde, pois no sexo, tudo é aprendizado, e respeito um para com o outro

Será que ele existe mesmo? No Dia Internacional do Orgasmo, celebrado em 31 de julho, o
 Delas entrevistou especialistas que atestam: o orgasmo perfeito existe e não é tão difícil de ser atingido.
O que se entende por orgasmo perfeito, na verdade, são dois tipos diferentes de orgasmos que acontecem ao mesmo tempo: o vaginal e o clitoriano. O primeiro consiste no estímulo do ponto de maior sensibilidade localizado dentro do canal vaginal, popularmente conhecido como Ponto G. O segundo é resultado de carícias no clitóris, localizado na parte externa da vagina. A vantagem desse tipo de orgasmo é que ele proporciona sensações mais intensas e contínuas do que os dois orgasmos atingidos separadamente
Apesar de parecer complexo, o orgasmo perfeito pode ser alcançado com a ajuda do parceiro, com o auxílio de brinquedos eróticos ou mesmo sozinha. E não precisa ter medo de pedir para o seu companheiro embarcar nesse objetivo ou de ensiná-lo como fazer. “O homem imaturo acha que todo prazer tem que vir dele. Já o homem maduro aceita que brinquedos eróticos podem deixar o sexo ainda melhor. Para ter orgasmos plenos e satisfatórios, é necessário duas pessoas confiantes e maduras

PublicidadeQuando a parceira não está relaxada ou com vontade de praticar esse tipo de 


sexo, pode sentir dores e afugentar de vez o prazer


E para quem não sabe, o sexo anal pode ser a porta de entrada para doenças graves. "Quem pratica este ato sem o uso de preservativo pode contrair HIV, Hepatite B e C, sífilis, herpes e HPV.
 Isso porque o ânus é um local com pouca lubrificação, aumentando o atrito e fissuras" 
Aproveite! e se cuide  sempre  camisinha  sempre com sua parceira 
ou  .....etc  kkk deliciaa  é fazer com amor  e tesão
mas  cuidado com a higiene pode ajudar a reduzir o número de infecções
. "Se o casal fizer sexo anal, precisa trocar a camisinha antes de fazer o sexo vaginal, para que a mulher não se contamine com as fezes. Caso contrário, ela pode ter corrimentos e até problemas no útero"

Por exemplo, sexo anal não provoca hemorróida. "Porém, se ela já existe, a penetração pode complicar ainda mais e originar sangramentos", esclarece.
 O ato também não provoca incontinência, mas se a mulher introduzir objetos muito longos e pontiagudos no ânus, corre o risco de perfurar o reto. "É importante ressaltar que o pênis não causa este tipo de lesão
A mulher que possui alguma doença na região anal, sente dores ou sangramentos deve evitar este tipo de penetração.
 "O sexo anal também não é indicado quando a mulher está com diarréia, porque vai potencializar o problema, ou com intestino preso, uma vez que as fezes estão mais duras e compactadas, podendo causar dores" beijinhos amores mios .




Doutoram doutora do prazer 
 
Support : Copyright © 2015. erreoy griega - All Rights Reserved